BRIGADA MILITAR RECEBE 62 NOVAS VIATURAS SEMIBLINDADAS DO AVANÇAR E PISEG

A Brigada Militar recebeu, na manhã desta sexta-feira (22/4), 62 novas viaturas semiblindadas para reforçar a frota do policiamento ostensivo em 11 municípios no Estado. Os veículos Corolla Sedan, que totalizam investimento de R$ 11,7 milhões, foram entregues pelo governador Ranolfo Vieira Júnior acompanhado do secretário da Segurança Pública, coronel Vanius Cesar Santarosa, e do comandante-geral da BM, coronel Cláudio dos Santos Feoli, em ato em frente ao Palácio Piratini.


A tecnologia de blindagem utiliza na carroceria mantas com nove camadas do tecido de fibra de aramida, mais leve que o aço e com capacidade de resistência quatro vezes maior. A proteção instalada é do nível III-A, que suporta disparos de todos os tipos de arma de mão, como pistola .40 e 9mm. O governador lembrou que todas as viaturas contam com o sistema de proteção balística adotado como política de governo desde 2020 para oferecer mais segurança aos operadores da linha de frente.


“Desde 2020, adotamos a decisão de adquirir somente viaturas semiblindadas, para proteger aqueles que efetivamente dão segurança para a sociedade gaúcha. Uma segurança que podemos constatar com os melhores números da última década. Um exemplo é o número de roubo de veículos. Em 2018, o Rio Grande do Sul fechou o ano com 16 mil veículos roubados. No ano passado, fechamos com menos de 5 mil roubos de veículos. Vamos seguir avançando ainda mais na redução de todos os indicadores”, afirmou Ranolfo.


Do total, 53 veículos (investimento de R$ 10.032.794,00) foram adquiridos com recursos do programa Avançar na Segurança, que em outubro do ano passado anunciou um investimento histórico de R$ 280,3 milhões – valor agora já atualizado para R$ 288,4 milhões – destinado a compra de viaturas, incorporação de tecnologia e obras para melhoria das estruturas das instituições vinculadas à Secretaria da Segurança Pública (SSP).


É o maior montante já destinado de uma só vez para a área com recursos exclusivamente do Tesouro estadual. O valor é o dobro do que o governo investiu no total nos últimos 13 anos em segurança com recursos próprios, de 2007 até 2020, quando foram R$ 127 milhões. O secretário Santarosa destacou que a entrega desta sexta (22) faz parte de um conjunto de ações para qualificar a segurança no Estado. “Essa entrega é uma importante ação que está dentro de uma estratégia de investimento qualificado, um dos eixos do nosso programa RS Seguro. É uma entre muitas outras que estão programadas para ocorrer”, acrescentou.


Publicidade

Para a Brigada Militar, o Avançar na Segurança destinou R$ 97 milhões. Desse total, R$ 82,5 milhões irão custear a compra de veículos, sendo 221 viaturas (105 Corolla Sedan, 20 caminhonetes SW4, 70 picapes Hilux e 26 SUV Duster), cinco ônibus para Batalhões de Choque, e um avião monomotor, ao custo estimado de R$ 28 milhões.


A entrega desta sexta-feira (22) reúne o primeiro lote de Corollas adquiridos por meio do Avançar. A maior parte irá reforçar a frota dos batalhões subordinados ao Comando de Policiamento da Capital (CPC) e a outra parte foi destinada ao Comando Regional de Policiamento Ostensivo da Serra (CRPO-Serra).


Em março, durante a solenidade que oficializou a troca do comando-geral da BM, o governo entregou à corporação outros 68 veículos fruto do programa (51 Hilux e 17 SW4, num total de R$ 18,2 milhões). Em dezembro do ano passado, na formatura de tenentes, a BM recebeu 26 viaturas Duster (R$ 4,4 milhões) também do Avançar.


Os outros nove Corollas entregues nesta sexta (22) foram adquiridos com recursos do Programa de Incentivo ao Aparelhamento da Segurança Pública (Piseg), um total de R$ 1.703.682,00 de investimento que irá contemplar oito municípios. O Piseg possibilita a empresários destinar até 5% do saldo devido de ICMS ao Estado para serem aplicados na compra de itens como veículos, armamentos, munições, capacetes, coletes balísticos, radiocomunicadores, equipamentos de rastreamento, de informática, bloqueadores de celular, câmeras e centrais de videomonitoramento.


Até a terça-feira (19/4), o total recolhido desde o início do lançamento do Piseg, em outubro de 2019, soma R$ 59.321.784,92, sendo R$ 54 milhões para compra de equipamentos e R$ 5,3 milhões para ações sociais preventivas. Com parte do valor, já foi encaminhada a compra de 133 viaturas, 1.469 armamentos, 37 itens de comunicação e 281 equipamentos de proteção individual (EPI), como coletes balísticos e capacetes.


Confira abaixo a destinação dos veículos entregues nesta sexta-feira (22/4):

TOTAL: 62 Corollas semiblindados Valor total: R$ 11.736.476,00 Valor unitário: R$ 189.298,00


Com recursos do Avançar na Segurança são 53 Corollas Valor total: R$ 10.032.794,00 Valor unitário: R$ 189.298,00 • Porto Alegre (44) • Caxias do Sul (8) • Bento Gonçalves (1)


Com recursos do Piseg, são nove Corollas Valor total: R$ 1.703.682,00 Valor unitário: R$ 189.298,00 • Flores da Cunha (2 unidades) • Ivoti • Passo Fundo • Sananduva • Santo Cristo • São Sebastião do Caí • Sapucaia do Sul • Três de Maio Texto: Carlos Ismael Moreira/Ascom SSP Edição: Marcelo Flach/Secom


 

106 visualizações0 comentário