DECRAB CAMAQUÃ DEFLAGRA “OPERAÇÃO TAPERA” NO COMBATE AOS CRIMES DE ABIGEATO

Na manhã de hoje dia 4, a Polícia Civil através da Decrab Camaquã juntamente com a Secretaria de Agricultura, Pecuária e Agronegócio deflagrou a “Operação Tapera” com a intenção de combater os crimes de furto abigeato, sendo realizado Mandado de Busca e Apreensão em uma propriedade rural na localidade de Capela Velha.


Aportaram na Decrab uma séria de denúncias referentes à propriedade rural voltada para reflorestamento, local em que estariam sendo colocados semoventes provenientes de furto abigeato. Também foi constatado a existência de registros de ocorrência relatando furtos abigeato praticados dentro desta propriedade.


Em contato com a empresa responsável pelo reflorestamento a Decrab tomou ciência de que área total são de 1400 hectares entre reflorestamento e mata nativa, havendo sim semoventes no local que foram introduzidos de forma ilegal e que a empresa não conseguia identificar os proprietários para solicitar a retirada dos mesmos.


Publicidade

Diante dos fatos foi instaurado Inquérito Policial, representando por Mandado de Busca e Apreensão na propriedade. Cerca de 10 cavaleiros entre agentes da Decrab, Inspetoria Veterinária e Colaboradores revisaram a propriedade constatado a existência de bovinos e ovinos. Três homens foram detidos dentro da propriedade, identificados e intimados a prestar Depoimento, mas informalmente admitiram serem donos de parte dos animais existentes no local.


As viaturas foram dispostas na área externa para cercar a propriedade e dar segurança aos 10 cavaleiros.


A Decrab Camaquã considerou proveitosa a operação e irá realizar a segunda fase da Operação Tapera, ocasião em que todos os animais existentes na propriedade serão apreendidos. A Decrab Camaquã orienta ao possíveis proprietários, que tenham introduzido os animais na propriedade, que procurem a Decrab Camaquã a partir do dia 8 para esclarecimentos, a fim de evitar a apreensão dos mesmos.


A “Operação Tapera” foi coordenada pelo Delegado Peterson da Silva Benitez, que contou com o efetivo da 29ª e 18ª Regiões Policiais, num total de 19 agentes e 1 Delegado de Polícia em 8 viaturas, com a participação de 6 agentes da Secretaria de Agricultura, Pecuária e Agronegócio através da Inspetoria Veterinária, com 2 Vigias Florestais responsável pela propriedade, bem como com 4 colaboradores.

268 visualizações0 comentário