HOSPITAL DE ENCRUZILHADA DO SUL IMPLANTA AMBULATÓRIOS DE UROLOGIA E CIRURGIA VASCULAR

A secretária da Saúde Arita Bergmann visitou, nesta quinta-feira (4), o Hospital Santa Bárbara, em Encruzilhada do Sul, incluído no programa Assistir, do Governo do Estado. Beneficiado com um aumento de incentivos estaduais de R$ 370 mil por ano, o Santa Bárbara abriu, em outubro, os ambulatórios de urologia, e iniciará, ainda em novembro, a atender a demanda por cirurgia vascular.


"O Santa Bárbara é um exemplo de superação", disse a secretária Arita. "Essa instituição mostra ao Estado como é possível prestar um serviço de excelência a partir de planejamento, dedicação e conhecimento técnico. Estamos vendo, na prática, os frutos do programa Assistir", completou. De acordo com o coordenador da 7ª Coordenadoria Regional de Saúde, Júlio Lopes, o hospital de Encruzilhada do Sul é o segundo maior da região em resolutividade.


"Neste último mês, atendemos pacientes urológicos que estavam na fila de espera havia cerca de 5 anos. Há doenças facilmente tratáveis, mas que podem se agravar de uma forma preocupante se não atendidos dentro de um prazo", explicou o médico urologista da instituição, Pablo Luis de Oliveira. "Agora oferecemos toda a linha de cuidado para esses casos aqui mesmo no hospital", completou.


Publicidade

Com o Assistir, o Hospital recebe um total de R$ 3,5 milhões por ano em recursos do Tesouro do Estado para prestar serviços pelo Sistema Único de Saúde (SUS) nas especialidades de traumatologia, porta de entrada para casos de urgência e emergência e maternidade de risco habitual, além dos novos serviços de urologia e cirurgia vascular.


A instituição tem capacidade para atender, mensalmente, 210 consultas e 30 cirurgias de urologia; a mesma capacidade em traumatologia; além de uma média de 35 partos e 35 cirurgias gerais por mês. Na especialidade de cirurgia vascular serão, mensalmente, 120 consultas e 20 cirurgias. O Santa Bárbara tem 53 leitos hospitalares.


O diretor clínico, Hilmar Machado Alves, disse que "o Santa Bárbara passou de um hospital de interior para um hospital de referência, agradecendo todo o trabalho envolvido neste processo, desde os funcionários, a gestão estadual e os deputados que indicaram emendas parlamentares à instituição". O vice-prefeito Emanuel Guterres Nobre agradeceu a visita da secretária ao município: "nos prestigia e lança um olhar do Estado para Encruzilhada do Sul, principalmente ao nosso hospital, que é o nosso orgulho".


A secretária Arita Bergmann explicou que a obra de ampliação de 13 leitos clínicos, já em andamento no hospital, terá o projeto analisado para inclusão na fase dois Avançar para as Pessoas na Saúde, programa estadual de investimentos na assistência à saúde dos gaúchos.


Moção de apoio ao Assistir


Na ocasião, o coordenador Júlio entregou à secretária Arita Bergmann uma moção de apoio ao programa Assistir, que proporcionou uma nova base de cálculo para rateio dos recursos estaduais aos hospitais gaúchos. A região de Saúde 27 Jacuí Centro compreende municípios da 8ª CRS.


Fonte: Secretaria da Saúde

Imagem: Marília Bissigo/Ascom SES

418 visualizações0 comentário